Sobre o blog



Imagem de pixel, pink, and room
Bom, senti a necessidade de falar um pouco a respeito desse blog, como cheguei aqui nessa plataforma e de onde surgiu o Imaginantes.

Nos tempos do orkut eu participava de vários fã clubes de artistas, e eu tinha um amigo que tinha um FC da Shakira. Então um dia ele me mandou um link do blog do fã clube dele, e quando eu acessei lembro que fiquei bem maravilhada com tudo o que vi. Pra mim, naquela época, era algo surreal. O cara tinha um blog! Ele fez um blog! Eu achava que criar email era algo de outro mundo imagina então um BLOG!
O design era simples, mas pra mim, claro, era algo super profissional e grandioso. Então eu perguntei a ele como que ele criou, e ele me deu um passo a passo.

Até que surgiu o meu primeiro blog com um nome lindo e maravilhoso chamado BLOG MODERNINHO.
Pois é. O design era um lixo. As postagens eram plagiadas, até porque eu nem sabia o que era plágio. Mas com o tempo eu comecei a fazer amigos na blogosfera que foram me ensinando e me dando conselhos. Isso meados de 2010/2011.

Então eu mudei o nome do meu blog para FATOS INOCENTES. Pois é. 
Até que eu passei um tempo enorme com o F.I, lembro que fiz amizades com muitas blogueiras jovens como eu. Era legal aquele tempo, era um tempo simples, bom, muita parceria. Sim, eu já sou um pouco velha nessa plataforma kkk.
Fiz amizades com pessoas incriveis que hoje nem tenho contato, nem sei como estão. Nosso único contato era aqui. Hoje eu ainda tenho uma ou duas pessoas pela minhas redes sociais, mas a interação entre nós é pouca.

Enfim, foi um tempo ótimo. Eu chegava da escola e a primeira coisa que fazia era acessar o Blogger. Sempre tinha comentários para serem lidos, recadinhos na scrapbook, blogs para seguir e visitar de volta. E depois dos afazeres, ia criar uma nova postagem. 
E olha, as postagens não eram lá essas coisas não. Era só algo como um tutorial, dicas ou assuntos variados, sem nenhum tema fixo. E mesmo assim as pessoas gostavam e não julgavam.

Até que entrei no 8º ano e comecei a sentir um peso maior nas responsabilidades escolares. E as minhas colegas estavam desistindo dos blogs e indo viver fora das telinhas. Até que me senti meio só e resolvi desistir também, já não fazia sentido aquilo tudo.
Tentei voltar para o blog várias vezes mas nunca tive uma motivação que me fizesse permanecer.

Então eu sumi.

Até que tempos depois eu comecei a sentir falta de tudo isso.

Sempre tive uma grande vontade de compartilhar para as pessoas sobre o que sei ou o que eu gosto, e eu via no blog uma forma de colocar o que eu curto de forma que só lia quem realmente se interessasse, sem ter a necessidade de falar com pessoas que não tão nem ai pra o que você gosta ou não. Aqui, se você não gosta, é só sair. E pessoalmente seria meio impossivel encontrar alguem ao meu redor que fosse escutar 100% de tudo que tenho pra dizer.

Até que eu surgi com o Imaginantes.

Eu sou uma pessoa que vive mais no mundo da fantasia do que mesmo na vida real. Eu gosto da imaginação, da sensibilidade fora dos limites, do diferente, dos tons inimaginaveis de cores, de criaturas anormais. 
E a palavra IMAGINAÇÃO sempre ficava na minha mente quando eu tentava pensar em um nome para o meu novo blog. Porque nele eu iria abordar tudo o que eu realmente queria, toda a imaginação que vive em mim viria a tona...me tornando uma imaginante.
Então o nome imaginantes surgiu da ideia de que quem é voltado para a Imaginação e tem ela em sua alma, é então denominado imaginante.

E aqui nesse espaço é onde habita os imaginantes.

Logo de começo quando criei o blog eu pensei em não divulgar para ninguém, porque daqui uns anos depois de várias postagens e um lugar rico em conteúdo eu estaria, então, deixando o meu legado na nossa idade conteporânea. Por isso os imaginantes seriam invisiveis.

Mas depois vi que seria legal caso alguem conhecesse esse espaço, principalmente se a pessoa se identificasse com os assuntos e todo esse mar de doidice.

Portanto, hoje em dia eu gosto quando alguem me visita aqui, mas se não tiver ninguém, ta tudo bem. Eu tenho eu, a imaginante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Hey! Me deixa um comentário, pode ser no anonimo.

Retribuo todos os comentários e sigo de volta ^^ Mas deixe seu link no final para que eu possa visitar :D

♥ ♡ ♩♫♭♪♬ (∩˃o˂∩) (≧∇≦) ~ヾ(^∇^) (ノಠ益ಠ)ノ彡┻━┻ ┬──┬ ノ( ゜-゜ノ) ಠ_ಠ ( ̄。 ̄)~zzz ʘ‿ʘ ಥ⌣ಥ (づ。◕‿‿◕。)づ ヽ(゜∇゜)ノ∑(゜Д゜;) (´・ω・`)( ;´Д`)┐(‘~`;)┌ ( ゚д゚) ☜(⌒▽⌒)☞ (ノ◕ヮ◕)ノ*:・゚✧ ( ・_・)ノ⌒●~* ヽ(*´∀`)人(´∀`*)ノ (`・ω・´)9 (;一_一) ( ̄▽ ̄) ( ͡° ͜ʖ ͡°) (◡﹏◡✿) (⊙﹏⊙✿) (◕﹏◕✿) (◕‿◕✿) (◕︿◕✿) (◡‿◡✿) (⊙‿⊙✿) (⊙︿⊙✿) (⊙△⊙✿) (◡△◡✿) (◕△◕✿) (◠△◠✿) (◕ω◕✿) (⊙ω⊙✿) (◡ω◡✿) (◠ω◠✿) (◠︿◠✿) (◠﹏◠✿) (◠‿◠✿) ★~(◡‿◡✿) ★~(◠‿◕✿) (◡△◡✿) (ノ◕ヮ◕)ノ (ノ◕ω◕)ノ ヽ(゜∇゜)ノ (´・ω・`) ∩(︶▽︶)∩ ( ´ ▽ ` )ノ (・∀・ ) ( ̄(エ) ̄) (✪㉨✪)(╹ェ╹)╮(─▽─)╭ (•⊙ω⊙•) ( ´∀`)☆ (≧ω≦) ( ^▽^ ) (✿◠‿◠) (◡‿◡✿) (◕‿◕✿) (≧◡≦) (¬_¬) (◑‿◐) ✖‿✖ (╥_╥) (╯3╰) (¬‿¬)
(∪ ◡ ∪) (≧ω≦) o(≧o≦)o (─‿‿─) (︶︹︺) (∩︵∩) (。◕‿◕。) (~ ̄▽ ̄)~ (︶ω︶)